18 de abril de 2010

Fãs

Todo galã tem suas groupies. Este tinha também, e tão logo aparecia, elas gritavam a plenos pulmões, exaltando-o. Mas não eram gritos comuns:
- Aaaaaaahhh!! Gordão! Gordão! Gordão!!
E iam a loucura. Ele fazia uma firula e elas se animavam mais, gritando em êxtase.
-Dentuço! Dentuço!!!
No meio dos gritos podia-se até ouvir uma tiete gritando sozinha, mais alto que as outras:
-Seu balofo orelhudo!!
Ou até:
-Adoramos sua bunda obesa!!!

E lá ia ele, contente com a ovação, sabendo-se certamente o elefante mais bonito da savana.

4 comentários:

ferreiralai disse...

Até ri. (:
E achei adequado.
E cadê as suas groupies, hein?
Tava me dando nervoso todos esses
'0 verdades'.

(tolawkmi)

Daniel Contage disse...

É, as pessoas tem falado poucas verdades ultimamente. As groupies podiam vir mais aqui, né?!

Tô meio mongol ultimamente.. E não sei por que escrevi isso aqui agora.


Affe, preciso dormir.

Ferreira, Lai disse...

A Chay reabriu o blog. Lembrei da época em que não precisávamos de groupies e éramos felizes.
Talvez fosse porque nós mesmos fazíamos esse papel.

(subnesse)

Igor Dorneles disse...

Eu acho engraçado,mas eu estou em aversão ao seu posicionamento habitual, vou recitar pra você:
“Desce do sono, princesa
Deixa o seu cetro rolar
De que adianta haver tanta beleza
Se não se pode tocar?”
cara nem uma cantada é uma dica de amigo